Analógico

Analógico: A dualidade nos jogos e o seu reflexo no jogador

Cara ou coroa, direita ou esquerda, certo ou errado, luz e trevas, bem ou mal. Da mesma maneira que os dois lados da moeda estão tão próxi... (por Fellipe Camarossi em 10/03/2013, via PlayStation Blast)

Cara ou coroa, direita ou esquerda, certo ou errado, luz e trevas, bem ou mal. Da mesma maneira que os dois lados da moeda estão tão próximos e, ainda assim, tão distantes, a própria dicotomia da natureza pode ser encontrada em todas as atividades do nosso cotidiano, forçando-nos a conflitar valores morais e nossos ideais com a nossa percepção da sociedade contemporânea. No mundo dos jogos, isso não é diferente. Muito pelo contrário: vejo em muitos títulos por aí uma abordagem única e que serve como catalisador para o entendimento da dualidade – e este Analógico tem como objetivo apresentar um pouco desse campo tão contraditório. Leia mais no Game Blast.
Fellipe Camarossi é graduando em Ciências Contábeis e amante de uma boa discussão sobre videogames. Além de escrever para o PlayStation Blast, também é redator nas revistas Nintendo World e EGW. Para elogios e críticas, pode encontrá-lo no Facebook ou Twitter.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook