Não estamos fazendo apenas jogos, mas criando memórias, diz criador de Journey

Se você já jogou Flower , flOw ou Journey sabe que são jogos com propostas diferentes e te fazem sentir emoções diferentes do que jogar... (por Chbieska em 19/10/2013, via PlayStation Blast)

Se você já jogou Flower, flOw ou Journey sabe que são jogos com propostas diferentes e te fazem sentir emoções diferentes do que jogar um jogo de ação. De acordo com Jenova Chen, co-fundador da Thatgamecompany e criador de Journey, o objetivo da empresa é fazer com que os jogadores sintam algo novo.


Durante uma conferência na Insiders Gaming em São Franciso, Chen disse que os jogos atuais se restringem a um conjunto de emoções muito limitado. E que o objetivo da sua empresa é fazer com que as pessoas tenham sentimentos de paz e união enquanto jogam e não apenas prazer ao cumprir objetivos e massacrar rivais.
"Com jogos de ação, a emoção é a cerca do poder. Isso é importante para os adolescentes, que querem ser livres e dominantes. Mas é uma parcela muito pequena da paleta de emoções humanas . É cru e primitivo."
De acordo com Chen, embora essas emoções sejam importantes, é preciso explorar todos os sentimentos possíveis e não ficar restrito apenas a emoções primárias.
“Nós não estão apenas fazendo jogos. Estamos fazendo memórias que serão guardadas por vidas inteiras."
A Thatgamecompany está trabalhando em um novo projeto, ainda sem título, onde o foco serão as interações sociais. Mas enquanto o novo jogo não chega, os jogadores podem matar a saudade com Flower e flOw, que receberão versões para o PS4.

Fonte: IGN
Chbieska escreve para o PlayStation Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook