Top 10

PlayStation 2014: Confira o top 10 dos jogos mais aguardados para as plataformas da Sony!

O ano de 2013 foi realmente ótimo para os gamers . É também fato que os fãs da Sony não puderam ter muitas reclamações: o PS3 ganhou algun... (por Gustavo Dourado em 30/01/2014, via PlayStation Blast)

O ano de 2013 foi realmente ótimo para os gamers. É também fato que os fãs da Sony não puderam ter muitas reclamações: o PS3 ganhou alguns blockbusters de qualidade, além do próprio PlayStation 4, que teve um lançamento realmente impressionante. O único que ficou um pouco para trás foi, infelizmente, o PS Vita, mas isso pode mudar a qualquer momento, caso títulos de peso, anunciados até o momento apenas para o Japão, como Persona 4: Dancing All Night e Soul Sacrifice Delta, dêem as caras por aqui. Como ano passado tivemos títulos de ação e aventura, como BioShock Infinite e um belo drama sobrenatural com Beyond: Two Souls, este novo ano promete variar ainda mais. Confira alguns dos títulos mais esperados para este ano que acaba de começar e já promete ser um dos melhores para os jogadores!

10 - Dragon Ball Z: Battle of Z (PS3/PS Vita)

Lançamento: 28 de janeiro
Distribuição: Namco Bandai Games

Como um marco na infância de muitos, Dragon Ball sempre teve seu lugar nos corações dos fãs. No caso do mais novo jogo da franquia, nostalgia é a palavra certa para definí-lo. Mesmo com uma história própria, o jogo trará diversos personagens de toda a franquia, interligando, de certa forma, todos os arcos até hoje lançados com exceção de GT. Prometendo trazer a pancadaria a um patamar ainda maior, o jogo trará a possibilidade de jogar com até oito jogadores, online, mas também terá o modo offline, onde os membros da equipe do jogador, no caso quatro personagens, serão incorporados pela inteligência artificial. O jogo promete trazer vários personagens, tanto clássicos quanto novos, como Raditz, Broly e Bills, de A Batalha dos Deuses. Battle of Z é a prova que os jogos de luta realmente prometem nesse ano!

O campo de batalha pode virar um "show" de pancadaria.

9 - Yaiba: Ninja Gaiden Z (PS3)

Lançamento: 8 de março
Distribuição: Tecmo Koei

Keiji Inafune sempre foi um amante de zumbis e humor, tanto que Dead Rising está aí para provar isso. Mas, quando ele disse à Team Ninja que estava afim de fazer um jogo sobre zumbis, o resultado saiu mais hilário que o esperado. O jogo nos coloca na pele de Yaiba Kamikaze, um ninja que, ao lutar contra Ryu Hayabusa, perdeu metade de seu corpo. Quando acordou, Yaiba percebera que seu corpo era agora parte cibernética, o que o fazia um ciborgue. Agora, o Sr. Kamikaze precisa praticar um pouco, como ele mesmo diz, fazendo chacinas em hordas de zumbis, até que consiga sua tão desejada vingança contra Ryu. Ninja Gaiden Z será, assim como os outros jogos da franquia, um jogo de ação e hack’n slash, focando muito mais no humor que na ação e, como a promessa é atingir o maior número de jogadores possível, a dificuldade do jogo será reduzida. Mas não se engane! Os zumbis são bem espertinhos.

Será que ele conseguirá sua vingança?

8 - Freedom Wars (PSVita)

Lançamento: 2014 (apenas no Japão)
Distribuição: Sony Computer Entertainment

Em desenvolvimento pela Sony Japan Studios em conjunto com a Shift, estúdio responsável por Gods Eater, Freedom Wars é um jogo de ação com alguns elementos de RPG, no qual o jogador terá de enfrentar monstros gigantes com armas de combate corpo a corpo ou a longa distância, algo muito semelhante a jogos como Monster Hunter e ao próprio Gods Eater, sendo que o verdadeiro destaque fica para seu enredo. O jogador controlará um habitante da cidade de Panopticon, a qual assume a referência da palavra, Panótico, ou seja, um lugar totalmente vigiado durante todo o tempo. Os habitantes, logo ao nascer, recebem uma sentença de um milhão de anos, por um crime que ainda não fora revelado. Eles devem resgatar pessoas capturadas por enormes monstros chamados Abductors, para que sua pena seja reduzida. O que nos espera quando alcançarmos a liberdade?

Os Abductors prometem ser um enorme desafio aos condenados.

7 - Driveclub (PS4)

Lançamento: 2014
Distribuição: Sony Computer Entertainment

Antes anunciado como um título de lançamento do PlayStation 4, Driveclub ainda é um título “misterioso”. O jogo, há pouco tempo, foi adiado para 2014, com a justificativa de melhorias no desenvolvimento, mas desde então não tivemos muitas novidades. Sendo a mais nova aposta da Evolution Studios, mesmos desenvolvedores da franquia MotorStorm, o título tenta agradar todo tipo de jogador, sejam estes fãs de simuladores ou de jogos com o estilo arcade, onde as leis da física são geralmente uma piada. O foco principal do título está em seu sistema de corridas online, este que funciona como uma espécie de “rede social”, onde o jogador poderá se encontrar com outros, como um verdadeiro clube, para poder correr em alta velocidade ou vencer desafios.

Preparado para enfrentar esses caras na pista?

6 - The Evil Within (PS3/PS4)

Lançamento: 2014
Distribuição: Bethesda Softworks

Considerado por muitos um gênero morto, o survival horror pode ter salvação. Sendo uma das maiores promessas para 2014, The Evil Within tenta trazer de volta o verdadeiro terror, algo um tanto quanto raro hoje em dia. Sendo mais uma obra de Shinji Mikami, a mente por trás de Resident Evil, The Evil Within tem como protagonista Sebastian Castellanios, um policial que investiga uma misteriosa chacina de um batalhão enquanto tenta encontrar seus parceiros e sobreviver em uma cidade misteriosamente devastada, repleta de monstros sedentos e aterrorizantes. É realmente algo para se colocar esperanças! (ou perdê-las)!

Sim, caro leitor, eu quase morri quando vi isso!

5 - Lightning Returns: Final Fantasy XIII (PS3)

Lançamento: 13 de fevereiro
Distribuição: Square Enix

Trazendo novidades, a nova aventura de Lightning se mostra realmente diferente, tanto em sua jogabilidadequanto em seu enredo. O jogo se passará quinhentos anos após XIII-2, quando Lightning acorda de sua “prisão” de cristal, onde os mundos de Valhalla, o Reino do Caos, e o mundo real estão para se colidir e Lightning possui apenas 13 dias para salvá-los (conveniente, não?). Algo que realmente chama a atenção são as customizações, estas que prometem ser um grande trunfo para o jogo, pondendo alterar a cor da armadura e das armas da protagonista, além de adicionar acessórios para fazer um estilo único e próprio do jogador. Mesmo após as inúmeras críticas negativas que os títulos anteriores vêm recebendo, LR:FFXIII trará um sistema de batalha ainda mais voltado para a ação, preparando o campo para seu sucessor, Final Fantasy XV. Neste caso, quando Lightning entrar em batalha, estará livre, por assim dizer, para correr pelo campo, enquanto o jogador planeja seus ataques, defesas e estratégias. Em meio a algumas polêmicas, como a relacionada ao busto da protagonista, e uma certa repulsa de alguns fãs, o título vêm recebendo elogios mesmo antes de seu lançamento. Para a alegria de alguns e a infelicidade de outros, esta será a ultima aventura de Lightning.

A nova aventura de Lightning promete impressionar e surpreender!

4 - Thief (PS3/PS4)

Lançamento: 25 de fevereiro
Distribuição: Square Enix

 Tendo seu primeiro jogo lançado em 1998, Thief sempre seguiu a mesma tendência para sua jogabilidade. Sendo sempre um jogo com visão em primeira pessoa (obrigatória ou preferencialmente, pois em alguns títulos havia a opção para mudança da câmera), o objetivo dos jogos da série eram sempre os mesmos: entre, pegue o máximo de coisas puder carregar e saia sem ser notado. O reboot da série promete seguir muito bem essa premissa. Marcando o fim do hiato da franquia, Thief será uma das apostas da Square Enix para 2014, trazendo de volta Garrett, mais conhecido como Master Thief, o ladrão mais habilidoso de toda The City, que vive à mercê do cruel Barão. Será que Garrett conseguirá acabar com o caos provocado pelos atos malévolos do líder e controlador da cidade?

Stealth é algo essencial para Master Thief.

3 - inFamous: Second Son (PS4)

Lançamento: 21 de março
Distribuição: Sony Computer Entertainment

Apresentado na primeira conferência da Sony em 2013, a mesma que revelou o PS4, inFamous: Second Son será a continuação do legado de Cole MacGrath, o protagonista dos últimos três jogos. Second Son nos apresenta Delsin Rowe, um rapaz que, por seus meios, luta por uma vida mais justa e sem opressão. Enquanto fazia suas rotineiras atividades, Delsin foi surpreendido por um acidente, onde descobre seus poderes. O novo jogo da franquia contará com os recursos exclusivos do PlayStation 4, tais como a tela de toque do controle e abusará do poder do novo console da Sony, mas vários elementos já conhecidos pelos fãs, tais como o parkour e o mundo aberto.

Delsin continuará o legado de Cole nessa nova aventura.

2 - The Witcher 3: Wild Hunt (PS4)

Lançamento: 2014
Distribuição: Pendente


Baseado em uma série de livros de um escritor polonês, The Witcher 3: Wild Hunt promete trazer o último capítulo da estória de Geralt of Rivia, um Witcher, ou melhor, um Caçador de Bestas. The Witcher 3 será um jogo de ação e aventura com elementos de RPG em um mundo aberto, onde o jogador terá, segundo os desenvolvedores, total liberdade para andar por um mundo cheio de criaturas aterrorizantes, podendo fazer as próprias escolhas e encarar as consequêcias destas por conta própria. O título é o terceiro da franquia, mas será o primeiro a dar as caras em um console da Sony, sendo que o estúdio por trás deste título é o mesmo de um dos mais misteriosos e aguardados jogos anunciados no ano passado para o PlayStation 4 e outras plataformas: CyberPunk 2077.

Esta será uma das muitas bestas que Geralt terá de caçar.

1 - Metal Gear Solid V: Ground Zeroes e Metal Gear Solid V: The Phantom Pain (PS3/PS4) 

Lançamento: Ground Zeroes: 18 de março/The Phantom Pain: 2014
Distribuição: Konami

Caso não tenha acompanhado as notícias muito arduamente, você, caro leitor, deve estar se perguntando: “Dois jogos? Mas hein!?”. Bom, é isso mesmo! Apresentado pela primeira vez em 2012, Ground Zeroes já impressionava pela ambientação e a qualidade demonstrada nos trailers, mas uma reviravolta aconteceu. Após o anúncio de The Phantom Pain, Hideo Kojima, o criador da franquia, anunciou que Ground Zeroes seria o prólogo de The Phanton Pain, ficando cronologicamente entre Metal Gear Solid: Peace Walker (PSP) e Metal Gear (NES)! Ground Zeroes se passará em 1975, quando o espião Naked Snake terá seu encontro com Skull Face, líder da organização militar XOF. Algo a ser ressaltado é o fato de terem mudado, pela primeira vez, o dublador e modelo de Snake, sendo antes o dublador David Hayter e agora o ator Kiefer Sutherland, mais conhecido por interpretar Jack Bauer no seriado 24 Horas. A jogabilidade será, segundo Kojima, algo único, com tamanha liberdade e formas diferentes de realizar a mesma missão, ou seja, o jogador decidirá como realizar tal missão, além de servir para que o jogador se “acostume” com a nova jogablidade para sua continuação. Já The Phantom Pain se passará nove anos após seu prólogo, ou seja, 1984, no caso, após Snake acordar de seu coma, e mudar seu code-nome para Punished Snake, como foi possível ver no trailer. Segundo o informado, The Phantom Pain será centenas de vezes maior e mais livre que seu prólogo, dando assim uma liberdade ainda maior ao jogador para realizar as missões da forma que bem entender, com seus cenários de mundo aberto. Ambos foram algumas das surpresas que brotaram da caixinha de Kojima, que geralmente possui uma carta na manga.

Com um mundo aberto,  The Phantom Pain promete ser o maior da franquia.

Infelizmente não foi possível colocar todos os títulos que, de fato, parecem ser muito interessantes, mas aqui vão algumas menções honrosas: Toukiden (PS Vita), Castlevania: Lords of Shadow 2 (PS3), South Park: The Stick of Truth (PS3), Dark Souls II (PS3), Final Fantasy X/X-2 HD Remaster (PS3/PSVita), Destiny (PS4), The Elder Scrolls Online (PS4), Transistor (PS4), Watch Dogs (PS3/PS4).

O jogo que gostaria não está por aqui, caro leitor? Deixe-nos saber nos comentários!

Revisor: José Carlos Alves
Capa: Douglas Fernandes
Gustavo Dourado é estudante do Ensino Médio e fissurado por tecnologia e games. Adora animações e quadrinhos japoneses, além de filmes de todas as partes do mundo. Ama RPGs, sejam eles de mesa ou digitais e desafia qualquer game que lhe desperta algum interesse.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook