Tales of Berseria (PS3/PS4) tem novas imagens e detalhes revelados

Detalhes da vida da protagonista Velvet e informações sobre o mundo do jogo foram revelados pela Bandai Namco.


O site oficial de Tales of Berseria foi atualizado com novas imagens e informações do futuro RPG de PlayStation 3 e PlayStation 4. A página traça um perfil da protagonista Velvet e também fala um pouco do mundo do jogo, confira:

Velvet é uma garota de 19 anos e tem 1,70m de altura. Ela costumava ser tranquila, franca e amorosa com sua família, mas ela mudou completamente após um incidente que aconteceu a três anos atrás. Por conta disso, a garota deixou de sorrir e passou a nutrir emoções como raiva e ódio. Segundo o site, sua existência se tornará grande o bastante para abalar o mundo.

O reino sagrado de Midgand é o cenário de Tales of Berseria. Ele é composto de inúmeras ilhas e a influência desse reino ultrapassa até mesmo os mares — as áreas do jogo serão divididas em territórios. Os domínios desse reino apresentam grandes diferenças climáticas que influenciam a cultura. Recentemente, o clima frio tem se espalhado pelo mundo, principalmente nas áreas do norte.

Midgand é especialista na arte de construir e navegar barcos, sendo este o principal meio de comércio. Por conta das mudanças climáticas e das correntes marítimas traiçoeiras, é recomendado que as embarcações viagem por rotas seguras, mas é muito comum ser atacado por piratas.


A Bandai Namco afirma que a diversidade de situações foi aumentada em comparação com os jogos anteriores da série — os jogadores poderão explorar desde cidades cobertas de neve a ilhas tropicais.



Tales of Berseria não tem previsão de data de lançamento e até o momento não foi confirmado para o Ocidente.

Farley Santos é brasiliense e gosta de explorar games obscuros e pouco conhecidos. Fã de Yoko Shimomura, Yuzo Koshiro e Masashi Hamauzu, é apreciador de boardgames, game music, fotografia e livros. Além de mostrar seus cliques no Flickr, tem também um blog onde escreve sobre inúmeros assuntos.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook