Perfil

Direto de Persona 5 (PS3/PS4), conheça Ann, a Pantera dos Phantom Thieves

Persona nos traz uma incrível personagem, que não tolerará mais sofrer nas mãos de ninguém.


Persona 5 (PS3/PS4) já se encontra entre nós a algum tempo, mais especificamente desde setembro de 2016. Atlus e P-Studio conseguiram entregar um RPG em turnos de excelência, muito se deve às suas mecânicas e seus personagens. Hoje quero apresentar e mostrar como Ann Takamaki é muito além de uma bela garota, ela é uma forte pantera. Lembrando que teremos spoilers abaixo, leia por sua conta e risco.

O poder para se defender

Ann não é parecida como uma garota japonesa comum, seus olhos azuis e cabelos loiros a denunciam como estrangeira. Isso já é motivo o suficiente para piadas e rumores maldosos a seu respeito, a ponto dela pensar seriamente em pintar seus cabelos de preto. Mas isso não aconteceu, graças a sua primeira amiga na escola, Shiho Suzui, que a via muito além dos comentários que a cercavam, e que a ensinou a não ligar para o que as pessoas pensam dela. Se livrando do sentimento de que não pertencia a nenhum lugar.



Achar uma colega não resolvia todos seus problemas, principalmente com o professor Kamoshida comandando a escola. Abusos físicos, sexuais e psicológicos aconteciam a todo momento sem nenhuma punição. Ann e sua amiga foram algumas de suas vítimas, e pelo seu poder e influência não foram capazes de se defender. Tudo isso levou Shiho a uma intensa exaustão, e para escapar de seu tormento, recorreu ao suicídio, felizmente falho. A dor de quase perdê-la fez Ann não aturar mais isso, o único caminho agora era lutar e ao soltar sua fúria ela desperta Carmen

Com o poder de se defender, Ann e seus novos companheiros (Morgana, Ryuji e o protagonista) vencem Kamoshida, que confessa seus crimes para toda a escola. A partir desse ponto ela se torna Panther, membro dos Phantom Thieves. Muito mais forte e animada, agora ela iria usar suas novas habilidades para não voltar a ser a menina que sofreu nas mãos de seu professor.


Carmen, o espelho de como ela quer lutar

Carmen foi baseada em uma personagem cigana do mesmo nome criado pelo escritor Prosper Mérimée. Em suas muitas adaptações para outras mídias é sempre descrito que ela é uma mulher extremamente atraente e que tira vantagem disso para conquistar homens, mas só até se cansar e então começar tudo de novo. Os contos ainda mostram que ela é morta por um ex-namorado ciumento, sempre enfatizando que preferia morrer a ceder a vontade de algum homem. Foi exatamente isso que Carmen fez por Ann na prisão de Kamoshida, ela a libertou para fazer suas escolhas e lutar pelo o que queria.


Ann é mais do que apenas uma femme fatale, como a personagem Carmen de Prosper. Ela possui seus sonhos, e mesmo usando de sua aparência para atingir alguns, ser bela não é seu foco. Ela tirou sua força para ajudar os outros, pois é gentil e amável com o próximo, e quer punir apenas quem merece. Essa característica ficou marcada nos Phantom Thieves de tal forma que quando Kamoshida foi derrotado, a Panther não queria uma pessoa aleatória como próximo alvo e todos concordaram.

Em pontos mais mecânicos, a persona de Ann usa de magias de fogo, e outras habilidades de buff e debuff. Nas batalhas ela luta com um chicote e como arma de fogo usa uma metralhadora. Por fim, é bom tomar cuidado com magias de gelo dos inimigos, pois essa é sua fraqueza principal.


Antes de Panther, uma garota

Persona 5 explora muito bem cada aspecto de seus personagens, e com Ann não é diferente. Podemos aumentar nosso nível social com ela aos poucos e começar a conhecê-la mais intimamente,como acompanhar um pouco sua carreira de modelo. Mesmo que esse ponto da história não seja muito aprofundado, ele é importante para mostrar como ela respeita a profissão e em um certo momento até ajuda sua concorrente. Também ficamos sabendo de outros detalhes, como seu gosto por chocolate, videogames e o sonho de ser atriz de cinema. Namorar com ela também é possível se assim desejarmos.



















Ann é uma personagem forte e muito bem desenvolvida nas mais de 80 horas que você poderá dedicar a esse jogo. Claro, é uma opção não acompanhar toda a sua história, mas sua personalidade, sua aparência e sua força vão chamar sua atenção com certeza. Dê uma chance para ela.

Revisão: Link Beoulve
Matheus Bigai Ferreira escreve para o PlayStation Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook