Perfil

Um brutamontes com um grande coração: Barret Wallace, de Final Fantasy VII

Com um porte avantajado e cara de poucos amigos, Barret Wallace de Final Fantasy VII completa o elenco com o estereótipo do personage... (por Érika Honda em 30/05/2013, via PlayStation Blast)


Com um porte avantajado e cara de poucos amigos, Barret Wallace de Final Fantasy VII completa o elenco com o estereótipo do personagem machão e de falas pouco educadas, muitas vezes comparado ao ator que faz o papel de Baracus de Esquadrão Classe A, antiga série americana e que ganhou um filme recentemente.

Criado por Tetsuya Nomura, Barret foi o primeiro personagem negro da série Final Fantasy, ganhando elogios e críticas ao mesmo tempo, devido ao jeito gângster de ser. Apesar de Nomura ter participado do desenvolvimento de vários jogos anteriores, Final Fantasy VII marcou sua estreia como Character Designer.

Barret, Tifa e Cloud são os primeiros personagens controláveis a serem introduzidos assim que o jogo inicia. Barret comanda a organização terrorista AVALANCHE, com a ajuda de seus amigos Biggs, Wedge, Jessie e Tifa. Após uma bela e rápida introdução, o jogador toma o controle da situação num ambiente agitado e tenso controlando Cloud, o protagonista, a bordo da missão de destruir um dos reatores da organização inimiga da AVALANCHE, a Coorporação Shinra, responsável pelas degradações ambientais do planeta.
Atenção: O texto a seguir contém spoilers do personagem e do jogo.

Brutamontes, músculos e... um grande coração

Barret é caracterizado como um personagem de porte monstruoso e de força bruta, com pavio curto e sem paciência para conversas ou formulação de planos. Frequentemente ele dispara sua arma para o alto quando sente raiva, além de xingar a todos em voz alta. Seu estilo de diálogo está entre os mais divertidos e engraçados do jogo. Combinando com suas características físicas, suas falas são repletas de gírias, erros gramaticais e xingamentos. Apesar de alguns considerarem racista, é um dos personagens que mais diverte o público com seu jeito estressado. Para os que não possuem total domínio da língua inglesa, chega a ser difícil entender tudo o que o personagem quer dizer.

Uma das mais famosas falas de Barret e suas frequentes analogias com trens
Apesar de a princípio Barret parecer ser apenas um personagem do estereótipo "músculos sem cérebro", ele guarda um grande coração e espírito de lealdade. Surpreendentemente, o grandalhão é uma figura complexa e cheia de problemas, tantos que ele mesmo diz que prefere não explicar por serem complexos demais para entender. Além de ser um pai meloso e carinhoso, ele é extremamente preocupado com seus amigos e colegas de trabalho: Biggs, Wedge e Jessie. Quando os perde ele quase perde a cabeça.

Pode não parecer, mas Barret é pai amoroso

Barret vive um dilema e sente-se confuso e dividido entre lutar para salvar o mundo e proteger e cuidar da filha.

Passado trágico e a perda de tudo

Barret, antes de fundar a AVALANCHE, morava com a esposa numa cidade chamada Corel. Nessa época, pouco ele sabia das intenções da Shinra e quando decidiram pela construção de um novo reator em sua cidade, ele foi a favor. Dyne, seu melhor amigo, discordava da ideia, porém foi convencido por Barret. Após um acidente no local, Shinra deciciu destruir o reator junto da cidade de Corel, dizimando a população e tudo que havia nela. O caos causou a morte de sua esposa e fez com que ele, Dyne e a filha do último fugissem da cidade. Encurralados, Dyne encontra-se dependurado pelo braço que Barret segurava com todas as forças, para então ser fuzilado pela Shinra. Barret perdeu não só o amigo, mas também parte do braço direito, que foi substituído por uma mão mecânica utilizada como arma em batalhas.

Barret carrega o fardo da destruição de
 sua cidade natal e do ódio dos moradores
Em certo momento do jogo, Barret admite que seu discurso de salvar o planeta era fachada para seu real propósito de vingança contra Shinra. Não é para menos se pensarmos que graças à organização ele perdeu a esposa, o lar, seu melhor (e talvez único) amigo e seu braço dominante. Em registros posteriores ao jogo entendemos um lado ainda mais complexo e filosófico do personagem, onde o mesmo se sente como um monstro para as outras pessoas devido ao seu braço mecânico.

Após o desastre de sua cidade natal e por ter sido expulso dela, Barret resolve adotar Marlene, a filha de Dyne, apegando-se como um pai bobo a ela. No desenrolar da história, descobrimos que Dyne sobreviveu à queda do precipício e acabamos reencontrando-o. Os anos alimentaram sua raiva, que consumiu totalmente o seu bom senso. Barret o enfrenta na tentativa de fazê-lo voltar a si, porém o mesmo se suicida pois não há mais esperanças em seu coração. Após ver a morte do antigo amigo, além das mortes de Biggs, Wedge e Jessie no início do jogo, Barret decide definitivamente lutar para salvar o planeta, pois é o planeta em que vive sua amada filha, e por isso se junta a Cloud e ao grupo no encalço de Sephiroth.

As tristes últimas palavras de seu amigo

Uma cirurgia plástica aqui e ali

Muitos vão reparar nas várias mudanças que o personagem sofreu no filme Advent Children. Barret mudou o penteado, a arma e até o rosto. Muitos detalhes mudaram como o pingente em seu pescoço, suas roupas, a tatuagem em seu braço e acessórios. A mudança física de Barret é explicada pelo fato dele ter sido muito comparado ao Mr. T, ator que interpreta o Baracus de Esquadrão Classe A. Assim, resolveram dar uma “reformada” no personagem.


Dentre as inúmeras transformações, a arma de Barret é a mais interessante. A exigência de Nomura era de que a "nova" arma fosse gigante e que a transformação fosse tão incrível quanto. Assim, no filme a arma sofre uma transformação sempre que entra em ação. Porém, animar isso foi tão trabalhoso e custoso que cenas como essa foram evitadas ao máximo.

Moderna, a nova arma impressiona mas não possui o carisma do original

Canhões em ação

Seu estilo de jogo em batalhas, principalmente, é do estilo “tanque”. Possui uma ótima defesa e HP altos, além de um bom ataque, porém peca em ataques e defesas que utilizem magia. Barret consegue conferir ataques à distância, portanto tem a vantagem de poder se manter na retaguarda.

Um dos Limit Breaks de Barret: Big Shot

Todos os personagens em Final Fantasy VII possuem golpes especiais chamados “Limit Break”. Os de Barret são todos voltados a danos físicos, com excessão de um deles que causa danos em MP e não ao HP do inimigo.

O disfarce que virou pijama
Barret é um personagem único e muito carismático. Sua impaciência na maioria das situações, suas discussões com Tifa, seus diálogos rudes e o seu papel como pai carinhoso e preocupado fazem dele um personagem extremamente querido. Por ser um dos personagens iniciais do jogo, acaba sendo também um dos mais populares. Seu passado complexo e problemático nos faz ter grande simpatia por ele.



Revisão: Jaime Ninice

Érika Honda é formada em Ciência da Computação pela Unicamp. Possui grande afinidade com as áreas de Tecnologia, Artes e Game Design. É gamer desde a infância e sua curiosidade e gosto crítico fizeram da redação um grande hobby.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook