Tetsuya Nomura fala sobre as novidades de Final Fantasy XV

A Square Enix pode não ter trazido nenhuma novidade sobre Final Fantasy XV durante o Tokyo Game Show (apesar de ter apresentado um gamep... (por Chibieska em 20/09/2013, via PlayStation Blast)

A Square Enix pode não ter trazido nenhuma novidade sobre Final Fantasy XV durante o Tokyo Game Show (apesar de ter apresentado um gameplay do jogo), mas os fãs não ficaram tão desamparados assim . Em recente entrevista a Famitsu, Tetsuya Nomura, o diretor do título, falou um pouco sobre o jogo.


De acordom com Nomura, nos jogos anteriores da série, eram usados CGs pré-renderizados, mas graças ao poder concedido pelo hardware dos console da próxima geração, os CG poderão ser em tempo real. Isso tornará o jogo mais fluído e contínuo, sem que haja telas de carregamento entre os CGs e o combate.

O jogo também será o primeiro da série a ser um RPG de ação, ao estilo Kingdom Hearts, mas de acordo com o diretor, há elementos tradicionais que não serão abandonados, como os valores numéricos que aparecem ao redor dos personagens. Nomura acredita que mostrar os valores numéricos de danos e ataques ajuda o jogador a traçar melhor sua estratégia.

Nomura também disse que a história do jogo será bem simples, retratando um conflito causado pelo roubo de um cristal por uma nação inimiga e que caberá a um grupo de heróis recuperar o objeto roubado, mas ressaltou que no meio de tudo isso, existe as relações entres os personagens, com seus dramas e medos, criando assim um enredo ao nível dos outros jogos da série.

O diretor acrescentou que a equipe de desenvolvimento pretende estender a experiência de Final Fantasy XV para além do console, focando uma interação do jogo com smartphones e o PS Vita, mas que por enquanto, isso está em fase de planejamento e não pode dar mais informações a respeito.

 
Fonte: IGN
Chibieska escreve para o PlayStation Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook