Rumor: A Sony comprou Crash Bandicoot da Activision?

Em 1996, o famoso e amado personagem Crash Bandicoot foi criado pela Naughty Dog, hoje conhecida por sucessos como a franquia Uncharted e... (por Alberto Canen em 22/11/2013, via PlayStation Blast)

Em 1996, o famoso e amado personagem Crash Bandicoot foi criado pela Naughty Dog, hoje conhecida por sucessos como a franquia Uncharted e o aclamado The Last of Us. A desenvolvedora criou quatro jogos do bandicoot para o PlayStation 1. A franquia, entretanto, não era da Sony, e sim da Universal, que a vendeu para a Activision no início dos anos 2000. O último jogo da série foi Crash: Mind Over Mutant, lançado em 2008 para PS2, PSP, X360, Wii e DS.

O site Reddit criou um post com um apanhado cronológico dos últimos anos de Crash, culminando com uma informação que pode indicar que o mascote está voltando para a sua casa original, a Sony.


A evidência mais interessante é uma imagem retirada do recente vídeo de lançamento do PlayStation 4. Nele, nós podemos encontrar uma placa branca com uma silhueta que parece bastante com o Crash Bandicoot, além de uma seta apontando para um losango amarelo, que é como o logo da própria Sony, indicando que o personagem estaria de volta à companhia.


Veja a placa no lado direito do vídeo a partir de 0:48


Para fortalecer ainda mais esse rumor, a Activision desabilitou o seu site sobre o Crash, assim como removeu todas as referências nos sites da própria empresa.
Nada de Crash nos sites da Activision
Por enquanto, não há nada confirmado, mas há poucos dias nós publicamos outro rumor indicando que um jogo do Crash seria lançado para o PlayStation 4. Parece que teremos ótimas novidades muito em breve, e tomara mesmo que seja verdade, pois um personagem desse porte não pode ficar no limbo, e seria muito bem-vindo na atual geração. Pessoalmente, gostaria de um jogo do Crash para o PS Vita. E vocês, o que acham?

Fonte: IGN
Alberto Canen é formado em Direito pela UFRN. Joga videogame desde os tempos do Atari e sempre acompanha as novidades na indústria de jogos. Está no Facebook e no Twitter.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook